Notícias
08h50

Empresários defendem saúde como prioridade em Fórum BMAIS

Compartilhe
Tamanho do Texto
Empresários defendem saúde como prioridade em Fórum BMAIS

O maior desafio para os gestores de saúde na atualidade é driblar a crise econômica que o país enfrenta, sem diminuir a qualidade do serviço prestado. O assunto foi discutido pelo sócio líder em prática de saúde da Ernst & Young, Leandro Sanches, um dos palestrantes do XXIV Fórum BMAIS, realizado nesta quarta-feira (06), em Feira de Santana. O economista ainda acredita que “a forma adequada de oferecer melhor atendimento à população no âmbito da saúde é integrando todos os setores (governo, investidores, credores, fornecedores, empregados e opinião pública)”.

“O segmento deve ser visto como questão prioritária, devendo o interior do estado proporcionar as melhores práticas das entidades que fazem a gestão em saúde nas capitais”, explica Sanches. Para ele, o setor privado, por exemplo, está investindo na qualidade do serviço. “No interior, o paciente não é apenas um cliente, existe uma humanização na relação com os serviços de saúde”.

O especialista ainda ressalta que cabe a cada entidade decidir qual a melhor prática de gestão. “Hoje temos uma cadeia fragmentada, o que prejudica o serviço. É preciso focar não só na doença, mas na prevenção. A saúde é uma área carente em termos de gestão e governança, mas os empreendedores devem estar atentos ao fato de que ela não deve ser tratada de forma isolada, mas sim verticalizada, investindo em medicina de prevenção e inovação”, conclui.

 

Grupo Meddi

Diretores do Grupo Meddi também palestraram no evento. Há 12 anos em Feira de Santana e demais cidades da Bahia, o grupo se destaca como case de sucesso na prática eficiente da gestão em saúde no município. “Nossa gestão é voltada para retenção de despesas sem causar prejuízos à qualidade do serviço ofertado. Acreditamos que momentos como o Fórum BMAIS, que é realizado pela segunda vez aqui, são ideais para trocar informações e discutir ideias de como aprimorar nossos serviços”, destaca José Antônio Barbosa, médico e diretor presidente do Grupo Meddi.

Ele acredita que o diferencial do grupo está na valorização do público interno da empresa. “Os nossos colaboradores são os nossos principais clientes. Temos a política de reter os talentos na nossa empresa. Todos os nossos gerentes hoje foram trainners e estagiários, são nossas crias e ajudam a solidificar a nossa marca. Além disso, trabalhamos com planos de cargos e salários e participação nos lucros. Por isso, hoje com 12 anos de trajetória e cerca de 800 colaboradores, estamos presentes nas maiores cidades da Bahia e, em constante expansão”, explica.

Mesmo no momento de crise, José Barbosa acredita que existem oportunidades para empreender. “Quando a saúde está em crise é porque os outros setores já estão pagando muito caro por ela. A projeção é de crescimento, mas há uma insegurança dos investidores. Assim, só alcança sucesso no mercado quem trabalha com preço justo, qualidade do serviço e ética”, finaliza.

 

Fóruns BMAIS

Os fóruns são uma iniciativa do Grupo [B+], que têm a missão de provocar discussões entre profissionais da área de negócios da Bahia, objetivando o empreendedorismo no estado. Nessa edição, estiveram presentes a secretária de saúde da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, Denise Mascarenhas, o diretor executivo do Grupo Meddi, Gileno Portugal, médicos, executivos da área de saúde e imprensa.

“Temas inspiradores e discussão de boas práticas é o que precisamos para driblarmos o momento negativo que o país vive. A Bahia é muito grande, e hoje temos os grandes grupos migrando para o interior do estado. Esse processo de interiorização, como é o caso do Grupo Meddi, que vem gerando boas oportunidades para o setor”, ressalta o diretor de publicações do Grupo [B+], Claudio Vinagre.

Confira outras notícias do Grupo MEDDI:
Deixe seu comentário
Grupo Meddi
2016 - 2018. Grupo Meddi. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital